Nesta segunda-feira, ato contra criminalização das greves pelo Judiciário

Acontecerá no dia 5 de novembro, segunda-feira, às 17h o Ato Contra a Criminalização das Greves pelo Judiciário. Em 2012 o manifestação será realizado pela segunda vez, por iniciativa da Central Única dos Trabalhadores (CUT) de Sergipe.

A expectativa é que diversas categorias, estudantes e movimentos sociais se somem à manifestação, que no ano passado contou com grande número de presentes. Já confirmaram presença o Movimento Não Pago, Sintese, Sintect, Sindijus, Sinodonto, Sintufs entre outros.

Para muitos, esta é uma das pautas que unifica as organizações populares sergipanas. O ato ocorre em momento oportuno:  o ato acontecerá a partir das 17 horas durante a abertura do VI Encontro Nacional do Judiciário, onde estarão presentes os presidentes, vice-presidentes e desembargadores dos Tribunais de Justiça de todos os estados do país.

Apenas este ano o TJSE já decretou a ilegalidade da greve dos professores da rede Estadual (SINTESE) e dos servidores da educação estadual (SINTRASE) em maio, e a greve dos condutores de Ambulâncias da Saúde (Sindnocam) em agosto. Em todas as ocasiões, o processo de criminalização se deu por intermédio direto do Governo do Estado, tendo o Tribunal de Justiça cumprido papel crucial na negociação – ou na derrota destas categorias.

O ato será realizado na praça Fausto Cardoso, Centro de Aracaju, às 17h, em frente ao Palácio da Justiça Tobias Barreto.

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s