Indicativo de greve é aprovado por docentes das quatro Universidades baianas

p1040438-800x280
As assembleias docentes para a discussão da negociação da pauta de reivindicações 2015 ocorrerão no início do semestre letivo de cada Universidade

*por Ana Paula Marques, na Revista Gambiarra

O Fórum das Associações de Docentes cobrou, na manhã de ontem (28), o início imediato da negociação da pauta de reivindicações 2015. O prazo estipulado pelo Movimento Docente (MD) de 15 de janeiro para uma resposta do governo em relação aos pontos reivindicados foi vencido sem que houvesse retorno.

O ofício protocolado ressalta ainda que o indicativo de greve foi aprovado pelos(as) professores(as) das quatro Universidades Estaduais da Bahia (UEBAs) e será avaliado pela categoria no retorno das atividades acadêmicas.

Em vista às contínuas reduções nas verbas do orçamento das Universidades, o MD considerou prioritária a luta pela destinação de, no mínimo, 7% da receita líquida de impostos. A garantia do respeito aos direitos trabalhistas como promoção, progressão e alterações de regime de trabalho são reivindicações propostas pelos docentes. A categoria também defende a ampliação do quadro de vagas.

Veja a pauta de reivindicações 2015

As assembleias docentes para a discussão da negociação da pauta ocorrerão no início do semestre letivo de cada Universidade. Na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), a previsão é de que aconteça no mês de março.

*Ana Paula Marques é jornalista da Revista Gambiarra, parceira da Revista REVER.

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s