Vulcão entra em erupção em Aracaju

11287404_977228775635252_241403439_n
foto: Marcelinho Hora

Espetáculo Vulcão estréia na sexta em Aracaju e conta com grandes e promissores nomes da cultura sergipana e nacional

*por Redação

O Grupo Teatral Caixa Cênica estreia no dia 5 de junho, na Intera – Arte e Economia Criativa, o espetáculo Vulcão. Trata-se de um solo de Diane Velôso que interpreta, através da direção de Sidnei Cruz, diversas camadas de uma possível persona. Após a estreia, o espetáculo fica em cartaz até 31 de julho, todas as sextas-feiras às 20h no mesmo local.

O texto escrito pela dramaturga Lucianna Mauren foi elaborado a partir de fragmentos da vida de Diane Velôso, mas não apenas, pois seus acontecimentos e sentimentos foram sublimados em uma narrativa não cronológica com intensa carga poética. A direção, cenário e adereços incorporam referências estéticas e visuais da carreira profissional de Diane como atriz e cantora.

 Diane Velôso

No teatro 20 há anos, é uma das atrizes mais influentes de Sergipe, tendo atuado também como diretora de teatro e cinema, em oficinas de atuação, preparação de elenco, além de ser interprete da Banda dos Corações Partidos e apresentadora do programa Olhaí da TV Aperipê. Alguns dos seus espetáculos mais marcantes são Bodas de Sangue, da Kumpanya dos Duendes com a direção de Sidnei Cruz, o peculiar Respire e Conte até 10, já com o Grupo Caixa Cênica na companhia de Leandro Goddinho, e os mais recentes Felicidade Conjugal – ou quase isso e O Natimorto – Um musical silencioso, ambos realizados com o patrocínio do Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz.

Sidnei Cruz

Formado em Direção Teatral pela UniRio, Sidnei é poeta, dramaturgo e produtor cultural.  Dedica-se ao Teatro desde o final dos anos 70, tendo feito parte de grupos como Os Poetas Marginais, ao lado de Wally Salomão, Chacal e Cacaso, do grupo Leões de Circo, com a diretora Alessandra Vannucci e o ator Julio Adrião, e é também um dos fundadores, ao lado do povo da companhia Teatro de Anônimo e do Cordão do Boitatá, da Cooperativa e Espaço Casa Mercado 45, que há 10 anos vem ajudando a revitalizar o centro antigo do Rio. Foi responsável pela criação e curadoria do Palco Giratório do Sesc desde seu nascimento até 2007.

Ficha técnica
Direção: Sidnei Cruz
Assis. Direção : Olga Gutierrez e Amanda Steinbach
Dramaturgia – Lucianna Mauren
Produção:  Nah Donato e Diane Velôso
Figurino: Vivy Cotrim e Roberto Laplagne
Sombrinha: Luna Safira
Adereço de cabeça: Roberto Laplagne
Peruca: Essência Sublime e Mirella Brasil
Trilha sonora: Alex Sant’Anna e Leo Airplane
Iluminação: Sergio Robson
Cenário: Sidnei Cruz, Denver Paraízo, Manoel Passos Filho e Marcelo Paz
Arte plástica: Fábio Sampaio
Fotografia de espetáculo e foto design: Marcelinho Hora
Arte design: Gabi Etinger
Operador Audiovisual: Marcelo Paz
Colaboração: Maicyra Leão
Parceria: Intera – Intera – Arte e Economia Criativa​ e M Passos Móveis​
Apoio: Yellow Multimarcas​, João do Alho Bar e Restaurante​, Dona Divina Restaurantes​, Mãe Minita​, Estúdio Som Direto, Calango Design e Comunicação​, Pousada Raio de Sol​ e Restaurante Ágape.

Endereço:
Intera – Arte e Economia Criativa:
Rua Riachuelo, 970, Bairro São José
Aracaju-SE

Assessoria de comunicação:
Manoela Veloso Passos – (79) 9141-8198 – lelavelo@gmail.com

http://www.facebook.com/espetaculovulcao

Um comentário sobre “Vulcão entra em erupção em Aracaju

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s