IV Festival Zons reúne seis bandas e atrações inéditas para Aracaju

O evento acontece neste sábado, dia 11, na avenida Melício Machado, 7750,a 3 km do posto Petrox

por Assessoria do Zons

O maior festival da cena independente de Sergipe chega a sua quarta edição com um cardápio recheado de atrações especiais entre atrações musicais, intervenções, oficinas e muitas surpresas. O IV Festival Zons traz desta vez os shows das sergipaníssimas, Mestre Madruguinha, Máquina Blues, Urubu Melancia e Anne Carol e os Afro Drums, além da alagoana Necro e da paulista/mexicana Francisco El Hombre, que faz sua estreia em terras sergipanas.

Formada em 2013 pelos irmãos mexicanos naturalizados brasileiros, Sebastián (voz e bateria) e Mateo (voz e violão), a banda mistura elementos da musica latina e o batuque brasileiro, com letras em português e espanhol, sendo referidos como um intermédio entre Manu Chao e Nação Zumbi. Completam o quinteto, Juliana Strassacapa (vocal e percussão), Andrei Martinez Kozyreff (guitarra) e Rafael Gomes (baixo). Em junho de 2016, lançaram o álbum “SOLTASBRUXA” chamando atenção do público, sobretudo com a música “Triste, Louca ou Má”, indicada ao Gremmy Latino 2017, como melhor canção.

Já a alagoana Necro, que está em atividade desde 2009, traz um repertório composto por influências que passeiam entre o rock and roll, a psicodelia progressiva e os sons brasileiros. O trio é formado por Lillian Lessa (baixo e voz), Pedro Salvador (guitarra, voz) e Thiago Alef (bateria). A banda conta com quatro álbuns lançados, sendo “Adiante” (2016) o mais recente e que será apresentado pela primeira vez em Aracaju.

Uma das atrações mais queridas do público sergipano, a Mestre Madruguinha vem com seu ritmo dançante ao balanço da cumbia, carimbó, salsa, entre outros ritmos permeando a musica tropical latina. A banda, que lançou seu primeiro EP em 2016, é formada por Alexandre Marreta (guitarra), Vinicius Chukro (baixo), Edvan Aragão (bateria), Alex Luthier (percussão), Everton Mesquita (vocal e percussão) e Adão Alencar (vocal e percussão).

Outra atração consagrada em Sergipe que está confirmada é a Máquina Blues, composta por Silvio Campos (voz), Little Mell (guitarras e violões), Jr. Rikeza (bateria), Paulo Antônio (contrabaixo). Formada em 2003, a banda traz da influencias de músicos consagrados como Eric Clapton, Fredy King, Eta James, Santana , Jimi Hendrix, Albert Colins e  Johny Winter, além de composições autorais.

Atento as novas revelações da música, o Zons traz a banda Anne Carol e os Afrodrums, que tem protagonismo no reggae, mas flerta com a música negra e outros gêneros musicais. Iniciada a partir da carreira da vocalista Anne Carol, a banda, que é composta por Clebersson Martins (baixo), João Santos (guitarra), Andre Luiz (teclado), Fabricio Mangaio (percussão) e Felipe Gaspar(bateria), já ganha público, espaço e reconhecimento.

Completando a programação, está a instrumental Urubu Melancia, que vem atuando no cenário aracajuano desde 2015. A banda, escolhida pelo público em votação pela internet, começou tocando na rua, com um som instintivo e ritualístico. Nos show busca sempre interagir com as pessoas que queiram recitar, fazendo uma junção do instrumental com a poesia.

 Outras atividades

Além dos shows, o Festival conta com oficinas de Color Grading, de Roadie e de Edição de Vídeos de Banda. O público poderá assistir ainda aos debates Mulheres no Audiovisual Sergipano e Videoclipes Sergipanos. Ao longo do Festival estará rolando ainda o tradicional Live Painting  com 14 artistas visuais, e a Toré dos Kariri Xocós, as Guerrilheiras, entre outras intervenções artísticas.

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s