Quem somos

Ao detectar um grande público com a demanda por análises mais aprofundadas sobre a realidade sergipana, jovens jornalistas se juntaram e optaram por criar uma página que desse conta desse anseio. A Revista REVER surge em  2012 e tem a perspectiva de convergir os mais diversos setores sociais que produzem arte, cultura e conhecimento e que estão atuando de forma autônoma e dispersa.

Nossa perspectiva é garantir produções inéditas com os pés no estado de Sergipe e a mente na imensidão. Discutir temas atuais com uma coleta mais ampla de fontes, assim como instigar a retomada de antigas discussões perdidas no tempo, seja através de reportagem que “ligam os fios”, seja através de textos opinativos e provocadores. A opinião, a pesquisa, a profundidade da investigação de um objeto pode ir além, trazendo elementos antes intocados ou desconhecido pela maioria do público. Isso não cabe apenas ao jornalista.

Da mesma forma que compreendemos que para produzir um jornalismo independente, crítico e de qualidade é necessário sair do lugar-comum. Compreender que iniciativas que apelam para o panfletarismo se tornam improdutivas ou ineficientes na perspectiva de construir uma cultura crítica tão urgente.

Uma cultura crítica de profundidade, com responsabilidade sobre o que aborda, que vá além do trivial, das fontes “oficiais” e da superficialidade do jornalismo que se autoproclama “imparcial”.

Para tanto evitaremos apelar para o bombardeio de informações, um problema tão comum em tempos de redes sociais. O leitor da REVER não será um “alvo” a ser atingido, mas um parceiro no processo de construção dessa cultura crítica que nos propomos a estimular. A cada dia que acessar a internet o leitor terá à disposição um artigo, uma crônica, um vídeo, uma matéria, uma reportagem e fotografias para apreciar sem pressa, nem pressão.